Buscar
  • andreattie

APRENDA A NÃO SE FRUSTRAR (OU NÃO FRUSTRAR OS OUTROS)


Eu não me esqueço desta história:


Ano passado, resolvi fazer um jantar em casa e chamei alguns amigos. Marquei com todos às 20h e Flávio, um de meus amigos, me liga e diz: “Chego aí com minha esposa antes, umas 19h, porque preciso conversar com você!”


Perfeito! Aviso minha esposa que eles chegariam antes, ela se prepara com antecedência também. Coloco umas cervejas para gelar e uns petiscos para beliscar. Tudo pronto às 18h30. E o tempo começa a passar: 19h, 19h30, 20h e nada do meu amigo chegar. Toca o interfone e é um outro casal, que chega antes do Flávio. E, por volta das 20h45, toca o interfone e o porteiro diz: “O Sr. Flávio está aqui!”


Ele sobe e já chega dizendo: “Desculpe o atraso, acabei saindo tarde do serviço”. Mas já era tarde pois um sentimento de frustração havia tomado conta do meu corpo, até o ponto de ficar de cara emburrada com ele durante toda noite.


Eu era uma pessoa que me frustrava muito com os outros. Talvez pelo fato de sempre cumprir meus horários e me preocupar muito em entregar o que prometia, eu achava que as pessoas deveriam ser como eu. Mas não é assim que funciona! As pessoas são diferentes umas das outras!


Então, o que faz realmente as pessoas se frustrarem? Olhe a equação:

FRUSTRAÇÃO = EXPECTATIVA – ENTREGA REAL


A frustração decorre pela falta de alinhamento de expectativas. Quando você promete algo para alguém, essa pessoa cria uma EXPECTATIVA. Se você não consegue atender aquela expectativa, a sua ENTREGA REAL será menor, gerando então uma FRUSTRAÇÃO nesta pessoa.


O mesmo acontece quando alguém promete algo pra você (como simplesmente chegar em um determinado horário para um compromisso por exemplo). Isso irá gerar uma expectativa sobre aquela pessoa e, se ela não cumpre o prometido, muitas vezes podemos ficar frustrados.


Todos nós temos muitas expectativas: sobre nós mesmos, sobre outras pessoas e principalmente, sobre situações futuras. Tentar não ter expectativas é tentar não ter esperança. Ter expectativas é uma característica humana, é normal!


O problema é quando criamos expectativas sobre coisas que não controlamos. Ou mesmo acreditar que podemos controlar outras pessoas, seus comportamentos, suas decisões, suas atitudes. E daí quando as coisas acontecem diferente de nossas expectativas, nos frustramos e o pior, muitas vezes nos culpamos.


O importante então, é estarmos sempre atentos e conscientes às nossas expectativas para que consigamos administrá-las de forma racional.


PARA NÃO SE FRUSTRAR: Se perceber que sua expectativa está alta sobre algo que você não tem controle, relaxe, respire e foque no que você realmente tem controle. Nós só podemos controlar nossas atitudes, nossas ações e nossas escolhas no momento presente.


PARA NÃO FRUSTRAR AS PESSOAS: nunca prometa algo que não vá cumprir, para não criar uma expectativa grande nas pessoas


Na dúvida diga, por exemplo que, ao invés de 01 semana, você precisa de 02 semanas para entregar um projeto, porque se conseguir entregar antes do prazo, a pessoa não ficará frustrada mas sim, surpresa com sua entrega!


Podemos concluir então que, o tamanho da FRUSTRAÇÃO que você gera nas pessoas é proporcional à EXPECTATIVA que você criou nessa pessoa, ou que elas criaram sobre você! Pense nisso!


Se você concorda escreva pra mim nos comentários. Você já se frustrou por alguma expectativa não atendida?

0 visualização

ONDE VOCÊ ME ENCONTRA:

instagram-icone-icon-1.png
Facebook_icon_logo.png
whatsapp-logo-1.png